sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Metodologia Científica - Aula 01 - Senso Comum, Caráter Científico e Conhecimentos...

Direito e Metodologia Científica - Aula 01
Senso Comum, Caráter Científico e Conhecimentos...

            Quando falamos do conhecimento proveniente do Senso Comum, falamos das nossas opiniões diárias/ cotidianas, e que vão sendo transmitidas de geração em geração, por exemplo: A Crença de que o sol nascerá no amanhã, se você perguntar a pessoa o porque de que ele vai nascer no amanhã, ela não irá saber responder e dirá que vai nascer, porque ele sempre nasceu em todos os dias da sua vida, logo ele irá nascer.
                Outro bom exemplo é a ideia humana de que os animais, desde seu princípio, sempre foram iguais ao que são hoje, e dizer que os mamíferos vieram do peixe, fica estranho acreditar nisso. Nós sabemos que aconteceu mais ou menos isso para surgir os mamíferos, pois tivemos um estudo prévio, agora aqueles que nunca tinham visto isso, é realmente difícil de acreditar.
               Agora, se escolhermos, ao invés de leigos, cientistas para nos responder tais questões como: o sol nascerá amanhã? Os mamíferos vieram mesmo do peixe?, o cientista irá responder essas questões com base nos estudos e nas ciências  vai falar por exemplo que a terra tem o movimento de rotação e que a mesma gira em torno do sol, e os animais, que eles passaram por um processo evolutivo até chegar nos mamíferos etc.
                     Características

                     Senso Comum                                                                  
Saber Subjetivo - Porque mostram sentimentos              
e opiniões que  vão variar de  pessoa para pes-                
soa, e de sociedade para sociedade. Ex.:                        
--> Você  vai na  índia, passa do  lado de uma                
vaca e diz para um  nativo: olha que  bela vaca                
para fazer  um bife! O Indu  vai ficar  incrédulo                
pois a vaca lá é um animal sagrado. Já nós não                
vemos dessa forma...                                                      
* É Arbitrário, ou seja, não  tem  padrão, não                
tem critério, não é objetivo, tomando por ver-                  
dadeiro as experiencias anteriores do passado                  
, sendo quase sempre espontâneo. Ex.:                              
--> Medicina popular, uso de chás para curar                  
gripes, dores de garganta etc.                                          
* Aquilo que sai  fora  do  padrão, a  exceção                
como  algo extraordinário,  ou  algo milagroso,                
pois aquilo  que  não compreendemos é consi-                
derado como magia, como algo miraculoso.                    
* Visa a solução de problemas imediatos, em                  
consequência de uma necessidade imediata.                    
Ex.:                                                                                
--> Construção de canoas para a locomoção                  
por água.                                                                        
                                                                                     
                                                                                       

Caráter Científico
É um conhecimento objetivo, ou seja, vai sem-
pre  procurar  as  estruturas  universais,  aquilo
que não  muda, e será sempre igual porque não
vai sofrer a variação como acontece nas subje-
tivas. A mesma coisa  que o  Indu  enxergar eu
também tenho que enxergar.
* É  Criterioso,  construído, tendo  métodos  e
medidas, ou  seja, a  ciência é  cautelosa  antes
de construir as  relações  causais,  primeiro  in-
vestigando  e  fazendo  os  experimentos,  para
que haja precisão no que for dito.
* Tenta transformar aquilo que era considerado
miraculoso/ extraordinário  em algo  que se de
para explicar de  forma  palpável, claras e sim-
ples, sem que fiquemos só acreditando em má-
gicas e milagres.
* Caráter Hipotético: Diz que o  conhecimento
científico é  mais  seguro  que  o  conhecimento
advindo do  senso  comum,  mas  que  não é o
conhecimento absoluto, não é infalível. Ex.:
--> Questão das raças, onde foi feito uma pes-
quisa com criminosos, e pelo tipo da fisionomia
era  determinado, mais  ou  menos,  qual  era a
pré-disposição  do cara cometer determinados
tipos de crimes.


               Síntese
               Senso Comum
               --> As opiniões do Senso Comum podem nos conduzir, portanto, à formação de pré-conceitos pressupondo coisas que já foram parecidas, ou seja, forma-se uma distorção da realidade.
               Conhecimento Científico
              --> Duvidam, desconfiam das certezas do cotidiano. A Ciência enxerga o problema e tenta dar uma solução plausível.
             O Trabalho Científico é metodológico e sistemático, pois estudam as estruturas universais. Sendo que ele tem sistemas (conjunto de regras que tem na base, princípios que mantém a coerência do sistema). É o conjunto de atividades mentais, técnicas e intelectuais baseadas em métodos que sejam capazes de garantir o rigor dos resultados.
           Para se começar a fazer um trabalho científico, eu tenho que determinar os fatos a serem investigados, ou seja, eu tenho que escolher um tema de pesquisa, depois disso, eu vou ter que definir um método para testar esses fatos, vou estabelecer hipóteses e depois testá-las, para ver se elas se sustentam ou não. Depois disso, chego no meu resultado, e assim, elaborarei as teorias com base em toda a pesquisa. Por fim, demonstrarei para todos quais foram os resultados obtidos com todas essas investigações.

           Conhecimento
           Existem 4 tipos: o Tácito, o Explicito, o Dogmático e o Filosófico.

--> Tácito = É aquele conhecimento que é pessoal, individual e que as vezes se assemelha do senso comum, é um conhecimento que se é aprendido no mundo externo, mas que acaba se tornando individual. Ex. desse tipo de conhecimento:
- São nossas habilidades, como nadar, correr,dirigir etc.
É a própria vivencia da pessoa, porque depois que se aprende, a partir da prática, não se esquece mais como faz, pois ele se torna uma parte do corpo, é como se fosse a memória do próprio corpo, pois não se fica mais pensando como fazer.
--> Explícito = É um conceito que vai se formando no grupo, onde com o passar do tempo, vai sendo melhorado até chegar na forma mais precisa possível, sendo compartilhável. Ex.: Bibliotecas, pois foi sendo produzido pelas pessoas e foi, ao longo do tempo, aprimorado, melhorado.
--> Dogmático = Esse conhecimento costuma ser construído pelas pessoas que optam por encontrar informações sobre determinados objetos, o que essas pessoas dizerem que esta certo, elas vão acreditar naquilo e vão tomar como verdade absoluta, sem questionar nada. ex.: Bíblias ou escritas sagradas, pois elas são incontestáveis, são absolutas e ninguém questiona (em teoria)...
--> Filosófico = É como procurar uma imagem ideal, procuro pela minha razão aprender quais são os elementos que compõem aquilo que estou investigando. É quando se tem uma idealização do objeto, e esse objeto é estabelecido a partir das idéias e eu chego as minhas conclusões através da lógica. Vai tentar estabelecer o objeto através de uma forma universal.

Questões de Compreensão
1- De exemplos de certezas do senso comum e sua refutação (seu desmentir, mostrar que aquilo não é verdadeiro) pelas ciências.
2 - Considerando as características dos saberes do senso comum, escolha 3 e explique-as.
3 - Por que em nossa sociedade a ciência tende a ser tomada como se fosse magia?
4 - Que atividades intelectuais garantem rigor ao trabalho científico?
5 - O que significa dizer que a ciência constitui-se em um pensamento sistemático?
6 - Quais os pré-requisitos para a constituição de uma ciência? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! É importante o seu comentário para que possamos melhorar a qualidade do blog e assim fazer com que seja algo mais completo!

Postar um comentário